quarta-feira, 28 de novembro de 2012

ACADEMIA MOSSOROENSE DE LETRAS - NOTA DE FALECIMENTO

A Academia Mossoroense de Letras (AMOL) lamenta o falecimento de um dos seus mais ilustres membros, o pesquisador Raimundo Soares de Brito, ocupante da cadeira de número 4, ocorrido ontem, 27, às 14h, na capital do Estado.

Raimundo Soares de Brito, um dos sócio-fundadores desta entidade, sempre lutou por causas nobres, defendendo a cultura do RN e engrandecendo o fazer literário, com suas produções, que compreendem uma importante pesquisa sobre nossas ruas e avenidas, além de figuras populares, fatos históricos e personalidades.


Historiador por vocação, Raimundo Soares de Brito, que nos deixa aos 92 anos de idade, é exemplo de uma vida dedicada às letras, à cultura e ao desenvolvimento intelectual do Brasil...

Deixa a saudade em cada um de seus amigos de academia, naqueles que, por muitas vezes, se debruçaram sobre suas pesquisas, a fim de não deixar morrer nossa própria história, a história de cada um de nós.

Elder Heronildes da Silva
Presidente da Amol