sábado, 26 de setembro de 2009

O AMOR QUE VEM DOS CÉUS

Ó meu Deus, eu te agradeço pela esposa que me destes, pelo amor que dela emana e banha a mim e meus filhos.
Obrigado Senhor, pelos abraços e beijos que dela recebo. Pelo carinho constante, por sua dedicação de mãe e mulher.
Oh Senhor, se eu posso pedir algo a favor dela, que a mim tem dedicado a vida, peço-te amado Deus, que nos mantenha sempre assim: eternos apaixonados, ardentes namorados.
Obrigado por todas as manhãs que acordo ao seu lado, pelos momentos que passamos juntos e as noites, as tão esperadas noites, quando celebramos nosso amor.
Meu Senhor, que tua Onipotência nos prepare à tua vontade, e assim, quando for teu desejo separar-nos, ó Deus, concede então a quem ficar coragem para continuar e a certeza de um reencontro breve e eterno.
Ó meu Deus, eu te agradeço pela mulher que me destes.

Natal – RN
12 de dezembro de 2002


(EM TEMPO: Tem homem que sente vergonha de cantar o amor por sua esposa. De dizer aos quatro ventos que a ama. É preciso ser muito mais que "macho" para demonstrar que o amor é eterno).