sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017

GARIMPEIRO DA CULTURA



Eu tenho um olhar de águia
Mas voltado para glórias que se edificam com coisas vindas do passado.
Possuo um faro  canino, capaz de detectar com extrema precisão fatos e fotos dos assuntos que me atraem.
Há em mim, duas pinças, mãos que seguram e movem com prazer a bateia, da qual eu retiro o ouro da cultura.
Quem sou eu?
Sou um pesquisador,
E não se engane,  nesta área também se mata, rouba e morre
Sou um garimpeiro da cultura!

Francisco Martins
14-02-2017 – Natal/RN